Encerrando ciclos – por Glória Hurtado –

17/01/16 | postado por: Virginia Pinheiro

 

Encerrando ciclos  – por Glória Hurtado – 

 

 

Sempre é preciso saber quando uma etapa chega ao final. Se insistirmos em permanecer nela mais do que o tempo necessário, perdemos a alegria e o sentido das outras etapas que precisamos viver. Encerrando ciclos, fechando portas, terminando capítulos – não importa o nome que damos, o que importa é deixar no passado os momentos da vida que já se acabaram.

Foi despedido do trabalho? Terminou uma relação?
Deixou a casa dos pais? Partiu para viver em outro país?
A amizade tão longamente cultivada desapareceu sem explicações?

Você pode passar muito tempo se perguntando por que isso aconteceu. Pode dizer para si mesmo que não dará mais um passo enquanto não entender as razões que levaram a certas coisas, que eram tão importantes e sólidas em sua vida, serem subitamente transformadas em pó. Mas tal atitude será um desgaste imenso para todos: seus pais, seu marido ou sua esposa, seus amigos, seus filhos, sua irmã, todos estarão encerrando capítulos, virando a folha, seguindo adiante, e todos sofrerão ao ver que você está parado.

Ninguém pode estar ao mesmo tempo no presente e no passado, nem mesmo quando tentamos entender as coisas que acontecem conosco. O que passou não voltará: não podemos ser eternamente meninos, adolescentes tardios, filhos que se sentem culpados ou rancorosos com os pais, amantes que revivem noite e dia uma ligação com quem já foi embora e não tem a menor intenção de voltar.

As coisas passam, e o melhor que fazemos é deixar que elas realmente possam ir embora. Por isso é tão importante (por mais doloroso que seja!) destruir recordações, mudar de casa, dar muitas coisas para orfanatos, vender ou doar os livros que tem. Tudo neste mundo visível é uma manifestação do mundo invisível, do que está acontecendo em nosso coração – e o desfazer-se de certas lembranças significa também abrir espaço para que outras tomem o seu lugar.

Deixar ir embora. Soltar. Desprender-se.
Ninguém está jogando nesta vida com cartas marcadas, portanto, às vezes ganhamos, e às vezes perdemos. Não espere que devolvam algo, não espere que reconheçam seu esforço, que descubram seu gênio, que entendam seu amor. Pare de ligar sua televisão emocional e assistir sempre ao mesmo programa, que mostra como você sofreu com determinada perda: isso o estará apenas envenenando, e nada mais.

Não há nada mais perigoso que rompimentos amorosos que não são aceitos, promessas de emprego que não têm data marcada para começar, decisões que sempre são adiadas em nome do “momento ideal”. Antes de começar um capítulo novo, é preciso terminar o antigo: diga a si mesmo que o que passou, jamais voltará.

Lembre-se de que houve uma época em que podia viver sem aquilo, sem aquela pessoa – nada é insubstituível, um hábito não é uma necessidade. Pode parecer óbvio, pode mesmo ser difícil, mas é muito importante. Encerrando ciclos. Não por causa do orgulho, por incapacidade, ou por soberba, mas porque simplesmente aquilo já não se encaixa mais na sua vida. Feche a porta, mude o disco, limpe a casa, sacuda a poeira. Deixe de ser quem era, e se transforme em quem é.

 

 

Glória Hurtado, psicóloga e colunista do jornal colombiano “El País”.

 

deixe um comentario no blog

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

39 Comentários:Encerrando ciclos – por Glória Hurtado –
  1. Ilma Madureira

    Excelente texto. Compactuo com tal pensamento. Tanto que estou fechando mais um ciclo e outra já esta começando a aparecer.
    É importantíssimo soltar as “amarras” que nos prendem ao passado e deixarmos o novo
    Muito bom.
    chegar.

    • MCelia

      Oi , Ilma , que bom que voce esta soltando suas amarras e começando um novo ciclo , torcemos por voce ! Bjs

  2. Ana Carolina

    Verdade Glória. Particularmente me sinto sempre muito apegada ao passado. Foram períodos difíceis e parece que a felicidade que sinto hoje não foi merecida. Controlo a felicidade como se não fosse do meu merecimento, por conta das coisas que não fiz ou simplesmente porque me cobro de não ter agido bem com outras pessoas. Fico também ressentida quando me dediquei a alguém que não corresponde aos meus bons sentimento por ela. Me sinto rejeitada. Tudo isso em relação ao passado. Sou grata mas meio engessada para desfrutar da felicidade de hoje.

    • MCelia

      Ola, Ana Carolina , faca um exercicio diario de aceitação da sua felicidade , comece com pequenas coisas , curtindo bons momentos sem culpa , e devagar voce vera que tudo é merito seu e voce merece , sim , tudo que esta acontecendo de bom para voce ! Se achar melhor procure um pisicologo para falar sobre o assunto, voce vera como te fara ver as coisas com outra clareza … ou então conte com a gente por aqui ta ? Bem vinda e volte sempre , bjs

  3. Luci leandro

    Amei a matéria, simplesmente o que eu precisava ouvir.
    Beijos
    Luci

    • MCelia

      Que bom Luci ,a Virginia é craque em colocar textos que batem com a gente , né? Tambem adorei este de hoje , bem vinda ao Viva50 ! bjs

  4. Isabel

    Concordo…….

  5. vera lucia

    Muito bom esse texto. Muitas vezes vivemos tão apegadas ao passado que deixamos coisas boas passarem, sem que tomemos conhecimento.

    • Virginia

      É isso mesmo Vera Lucia, a questão do desapego, tratada pelo texto, veio numa hora muito oportuna para mim e espero que ele tenha ajudado muitas outras viva50. Abraço

  6. Eliana Pires

    Muito bom. Dois aspecto interessante: fechar um ciclo para começar outro. muitos interpõem os ciclos tudo fica aberto, nada resolvido.

    • Virginia

      É isso mesmo Eliana, um ciclo, para ser realmente encerrado, deve ser feito com o coração e com a cabeça, caso contrário, deixamos presos no passado sentimentos e pensamentos, o que dificulta o fluxo de energia para novos projetos. Obrigada pela sua participação, bjs

  7. Carminda

    Lindo e verdadeiro texto!

    • Virginia

      Que bom que gostou Carminda, é sempre bom ler textos inspiradores, eles tem o poder de ajudar a elaborar os momentos delicados da nossa vida. Bjs

  8. Teresa Helena Martins

    Eu cometi esse erro……fiquei presa a situações e lembranças, e impedi a abertura do novo ciclo. Hoje, sinto a necessidade de ir em frente, deixando muitas coisas para trás. Me propus a iniciar um negócio próprio e por ficar presa a situação, não me dei a oportunidade de alavancar o meu negócio.

    Sem dúvida, enquanto não fecharmos o ciclo antigo, não daremos inicio ao novo em nossa vida. O que mais quero é viver nova fase, realizar os meus objetivos!!!

    • Virginia

      Olá Teresa Helena, o primeiro passo para efetuar mudanças verdadeiras em nossas vidas é ter consciência de que o passado deve ficar no passado, não se pode viver aprisionada ao que já se foi. Tenho certeza que você sabe disso, coragem Teresa, mãos a obra para iniciar uma nova e bela etapa na sua vida. Grande abraço

  9. Cristiani

    Maravilhoso o que acabo de ler…
    Feito exatamente para este momento que estou passando!!!
    Desempregada aos 53 anos… mas vou fechar esse “ciclo”

    Obrigada!!

    • Virginia

      Oi Cristiani, como disse a Gloria Hurtado, a vida é feita de ciclos, tenho certeza que você vai conseguir encerrar essa etapa da sua vida para poder se aventurar em novos caminhos que só vão te trazer sabedoria e crescimento. Grande abraço

  10. Maely

    Como é importante textos que descreve nossos momentos ! isso faz com que cresçamos como pessoas e, olharmos sempre para frente; obrigada por textos tão ricos. um forte abraço a todas que fazem essas paginas !

    • Virginia

      Bom dia Maely, você tem razão, o texto de um bom escritor sempre nos ajuda a ter uma compreensão mais clara do nosso mundo interno além de incentivar a força da coragem para seguirmos em frente. Grande abraço

  11. zaira

    excelente texto..

    • MCelia

      Que bom que gostou, Zaira!!! Bjs

  12. glaucia

    Perfeito!!

    • MCelia

      Que bom que gostou, Glaucia! Bjs

  13. Goretti Leite

    Somos responsáveis pela nossa própria história má ou boa…. o que vale de todos os momentos é tirar aprendizado… lamentar só tarda o momento presente… 51 anos de vida cheia encontros e desencontros… em todos os aspectos … mas com uma certeza td com começo meio e fim… mas um fim sem limite,,,, pois ainda estou aqui e digo… continuar os próximos segundos de vida….Agradecer a vida….e viver….

    • MCelia

      Isso mesmo, Goretti! Agradecer sempre e viver essa vida maravilhosa com muita intensidade!Bjs

  14. anna maria

    Excelente texto!!!

    A vida é feita de ciclos, é importante que saibamos identificá-los para podermos vivencia-los em sua plenitude . Importante tb é saber qd eles chegam ao fim para , a partir daí seguirmos para o próximo!!!
    Difícil é identificar quando se fecha um e abre outro. Esse texto nos ajuda a estarmos atentos!!!
    Obrigada mais uma vez em me ajudar a refletir e assim continuar seguindo.
    Ana

    • MCelia

      Obrigada voce, Anna Maria, por estar aqui com a gente! Este texto é bem legal, né? Da um empurrãozinho pra gente pensar um pouco mais na nossa vida … bjs

  15. Regina Vicentini

    Esse texto é muito sério e me fez pensar o quanto não estamos preparadas para encerrar ciclos. O quanto vivemos no passado ou no futuro, esqueçemos que é o presente que importa.
    É preciso diariamente se libertar desses sentimentos que só nos fazem “patinar”.
    abraços

    • MCelia

      É serio mesmo, Regina! Precisamos estar atentas à ” nossa vida” , e cuidar dela do melhor modo possível, aproveitando o maximo do presente e procurando sempre um lindo futuro! Bjs

  16. Adriana Silva

    Que lindo!!!!! Uma lição para todas nós.
    Beijos
    Adriana

    • Virginia

      ´Você tem razão Adriana, é uma bela lição de vida, que bom que gostou! Bj

  17. Ilma marinho

    Bom dia! Estou adorando o site,palavras e textos reconfortantes e acolhedores!ler outras pessoas,em situações semelhantes a minha e com sugestões que vou experimentar está sendo muito legal!!
    Abraços e sucesso.

    Ilma.

    • MCelia

      Que bom que nos encontrou, Ilma! Bem vinda!!! Volte sempre ! Bjs

  18. Cida Soares

    OLÁ VIVA 50,

    OBRIGADA PELO TEXTO EM FORMA DE COMPAIXÃO !! TUDO O QUE EU PRECISAR OUVIR HOJE PARA MUDAR MINHA VIDA.
    O SEU TEXTO FOI COMPARTILHADO NO SITE VIA TAROT, DA TARÓLOGA CLÁUDIA, EM COMPLEMENTO COM AS BELÍSSIMAS PALAVRAS DE FORÇA QUE ELA NOS DEIXOU HOJE E, ASSIM COMO VOCÊS, TODOS OS DIAS.
    SOU GRATA POR TER ACESSO A ESTA CORRENTE DO BEM! HORA DE DESLIGAR A TV E VOLTAR A SORRIR! DEFINITIVAMENTE, ESTOU ENCERRANDO CICLOS!!
    BEIJOS E CONTINUEM ESSE TRABALHO LINDO!!

    • MCelia

      Que bom ler seu comentário, Cida! E que bom que o texto chegou a você na hora certa! Um beijo grande e volte sempre!

  19. Edina Mendes Shepherd

    Ótimo texto, ler isso me inspirou a encerrar certos ciclos que estão pendentes. Um dia me disseram nada é insubstituível a não ser a morte……..Grande Verdade…….

    • MCelia

      Verdade, Edina, nada é insubstituível… que bom que voce gostou do texto! bjs

  20. regina

    Pois é não consigo virar página nenhuma, sei o que fazer não, tá na crise da meia idade, não me quer, mas não sai de casa. Ainda bem que tenho trabalho, filhas maravilhosas. O resto é incerteza.

    • MCelia

      Regina, procure se animar um pouco mais, fazer o que gosta…vamos levantar esse astral aí!!! Dedique-se ao seu trabalho , às suas filhas , veja o que voce gosta de fazer: exercite-se, caminhe…pode te ajudar. Mas não se entregue! Bola pra frente!!! E volte sempre para contar como esta! Bjs