Estilo e individualidade: impossível dissociar!

07/07/15 | postado por: Virginia Pinheiro

 

Estilo e individualidade: impossível dissociar. Se você sente que está na hora de fazer algumas mudanças no seu estilo, saiba que não se pode falar em estilo, sem falar em individualidade.

 

Estilo e Individualidade são indissociáveis!

 

 

Individualidade é a qualidade de se ser um indivíduo, uma personalidade única. O contrário de individualidade é o conceito de massa, que se caracteriza pelo senso comum e pela falta de originalidade.

 

 

Ao longo da vida, nós, enquanto indivíduos, vamos desenvolvendo o nosso estilo e é ele que nos diferencia das outras pessoas. O estilo pessoal é a marca registrada que reflete a nossa individualidade.

 

 

Ao redor dos 50 anos, entramos na famosa “crise de estilo” que nada mais é do que a nossa individualidade exigindo mudanças. Com angústia, percebemos que a vida externa – roupas, cabelos, relações, modo de vida etc. – algumas vezes, não reflete mais aquilo que somos agora. Eis a causa da crise!

 

 

Primeiros passos para desenvolver um novo estilo:

1- Ter calma. Mudança de estilo não se faz do dia para a noite, esse é um processo de auto-observação e de experimentação.

2- Procure enxergar como você realmente é. Deixe o seu “eu” adolescente no passado.

3- Trate-se com carinho, goste e valorize o seu “eu” maduro.

 

 

4- Estilo independe de moda. Aproveite a moda para selecionar o que fica bem em você.

5- Você faz a sua moda!

 

Parta para a ação:

1- Analise todas as roupas que estão no seu armário. Experimente uma a uma e, com honestidade e coragem, descarte aquelas com as quais você não se sente mais bem, aquelas nas quais você se sente “estranha”.

 

 

2- Saia para ver vitrines, entre em lojas sofisticadas e, mesmo que não vá comprar nada, experimente roupas de bom corte e de bom tecido. Você vai perceber que um bom corte e um bom caimento valorizam as mulheres nos lugares certos e escondem o que deve ser escondido.

3- Observe tudo o que você gosta e que fica bem em você, aquilo que a faz sentir-se bonita, confortável e elegante.

4- Compre uma peça de qualidade e combine-a com as que você possui no seu armário.

5- Use-a por algum tempo e observe se você se sente elegantemente à vontade com ela.

6- Se isso acontecer, é hora de mais ousadia. Procure novas peças, combine-as e use-as, com adequação, nos diversos ambientes que frequenta. Fique atenta aos olhares masculinos e femininos, eles dizem muito.

7- Quando as suas roupas passarem a refletir novamente a sua individualidade, pode ter certeza de que você achou o SEU estilo.

 

 

58 Comentários:Estilo e individualidade: impossível dissociar!
  1. Ilma Madureira

    Perfeito! Mais um ótimo e esclarecer texto.

    • Virginia

      Oi Ilma, que bom que o texo foi proveitoso para você, às vezes essas crises são difíceis de compreender e de superar, mas nós vamos conseguir! Bjs

  2. Leda Leitão

    Adorei ♥

    • Virginia

      Oi Leda, que bom que você gostou, esse assunto é delicado né? Bjs

  3. Rosana

    Apesar de estar nos 60 ser magrinha e alta.Acho que tenho que rever este assunto.
    obrigado pela dica para cair na real.
    bjs

    • Virginia

      Oi Rosana, eu acho que uma das curtições da vida é a possibilidade de mudança, já imaginou se tudo fosse sempre igual? Bjs

  4. LUCIVANIA ROCHA

    nossa amei a matéria, vou começar a faxina no meu armário hj

    • Virginia

      Oi Lucivania, que bom que você gostou, mudanças fazem bem para o corpo e para a alma! Bjs

  5. Silvia

    Amei o q acabei de ler. Estou c/ 49 anos, e estou passando por essa fase. Estou meio perdida. Ando olhando as vitrines, mas nem eu mesma sei o q estou procurando. Sei q preciso fazer algumas (ou várias) mudanças, mas ñ sei por onde começar.
    Bjs.

    • Virginia

      Olá Silvia, essa fase é difícil mesmo, a busca de um novo estilo pode ser considerada uma aventura, tenha bom humor e parta para o exercício da auto observação, com certeza você vai achar seu novo estilo. Bjs

  6. Ismara

    Bom dia, Virginia. Tenho me sentido assim ultimamente. Parece que nada do que eu tenho fui eu que comprei. Estranho, né? Mas a dica foi muito boa. Vou repensar todas as minhas coisas e até mesmo minhas atitudes, porque estilo também se revela nas atitudes. Um beijo.

    • Virginia

      Bom dia Ismara, eu sei exatamente o que você está sentindo, escrevi o texto baseada nas minhas prórprias vivências, aproveite esse conflito de forma criativa, tenho certeza que você vai se redescobrir. Bjs

  7. marta fabricio

    Estou nos 50 s, e consigo me vestir em ocasiões especiais com roupas adequadas, mas infelizmente ainda estou presa a jeans, camiseta básica ou camisete e all star.
    Minha cabeça nao consegue aceitar apenas roupas que condigam com minha idade.
    Eu consegui manter ao longo destes anos uma imagem jovem e ai fica dificil. Já troquei peças, seguindo todos seus conselhos deste seu post, fiz faxina, doação das roupas, mas agora estou com poucas roupas e me vejo usando apenas aquelas que me agradam mais. Não existem lojas especificas para mulher de 40, 50 ou 60. E quando alguma se dispõe a vender peças que achamos ser “adequadas” são preços caros. Mas vamos tentando… Um grande beijo.

    • Virginia

      Oi Marta, uma das vantagens de ser uma mulher madura é que podemos fazer a nossa própria moda, usar aquilo que gostamos e que nos sentimos bem sem se importar com modismos. Bjs e até a próxima

  8. Sylvia

    Tenho 53 e estou passando por momentos realmente especiais. passando por um divorcio, pela necessidade de sair para trabalhar, ainda sem encontrar o caminho. Sabe aquela luzinha no fim do túnel e quando não consegue enxergar nem uma luz de lanterna? Preciso mudar de estilo, em todos os sentidos, mudar minha forma de ver a vida. Dediquei muitos anos a cuidar dos filhos e inclusive agora, mesmo sendo avó, tenho uma filha de 8 anos. Por isso não consigo me ver como uma pessoa com essa idade. Sem poder gastar, sem amigas com quem compartilhar, sinto que preciso encontrar o meu estilo, tanto na forma de vestir como em cabelos, etc. etc. Só que é difícil a gente sair do nada. Tento buscar inspiração em tudo o que vejo, procurando imagens que mostrem quem sou realmente. Sei que não é fácil, mas um dia eu chego lá, com muita dignidade. bjs

    • MCelia

      Oi Sylvia , bem vinda ao Viva! Que barra voce ta passando hein? Mas como a maioria das mulheres que estao nesta nossa idade ja tem bastante bagagem para sair dessa com muita garra … Tenho certeza que você é uma delas !!! Força e determinação vao te ajudar e entre sempre no Viva para dar uma relaxada e quem sabe alguns dos nossos posts te ajudam em alguma coisa ? Conte com a gente e boa sorte ! Bjs

  9. mara conde

    Parabens! Assunto muito pertinente!
    Isso acontece sempre, as pessoas tem medo de mudanças e/ ou muitas vezes nao aceitam que estao ficando mais velhas e ficam presas ao passado. Ou muitas vezes, simplesmente ignoram o espelho, deixando de usar aquilo que realmente as deixam mais belas. Trabalho com moda e essa é uma das minhas ” funçoes”, ajudar a cliente a encontrar a peça que lhe veste melhor, voces nao fazem ideia de como essa tarefa é dificil. Mas o que todos esquecem é que para promovermos uma mudança , buscar o “eu”, temos que repensar nossas atitudes, encontrar o que realmente nos deixa feliz e com uma atitude confiante. E pode ter certeza uma roupa nova, bem escolhida, faz um bem danado!
    bjs

    • MCelia

      Falou bonito minha querida amiga Viva 40 !!! É isso mesmo Maroca ,encontrar o que nos veste bem e nos deixa se sentindo bela não é facil , precisamos de pessoas como vc no mercado para ajudar a encontrar as peças certas, bjs !

  10. Thereza Rampinelli

    Você tem que sentir como uma uva, doce e necessário para o coração.
    Tudo deve cair como uma luva, para que os gestos e ações saiam com naturalidade.
    Cor: vários tons de azul.
    Juiz de Fora/MG
    http://www.therezarampinelli.com
    Juiz

    • MCelia

      Ola , Thereza , que poetica ! bem vinda ao Viva 50 !!! bjs

  11. Rosa Maria Fontes

    Ótima materia!! Realmente é muito dificil definir entre o que nos fica bem e o que gostamos de vestir. Tenho esta dificuldade pela minha personalidade alegre, agitada e jovial. Muitas vezes tenho medo de me vestir feito uma adolescente apesar de tambem gostar de peças elegantes e um tanto sobrias. Mas a partir desta mateira creio que conseguirei definir melhor o meu estilo. Obrigada.

    • MCelia

      Que bom Rosa! Use e abuse da sua personalidade alegre, jovial e agitada mas não se esqueça de não perder seu estilo – ELEGANTE! Bjss e bem vinda ao Viva !

  12. Sandra Regina

    Excelente texto, muito interessante. Acho que a adaptação nessa nova fase de nossas vidas fica mais fácil quando você combina o seu estilo de vestir com a sua individualidade.
    Nós mudamos nosso estilo de acordo com as décadas que incorporamos durante a vida, e tenho certeza de que nenhuma de nós usa shorts curtos e biquínis mínimos há muito tempo. O importante é usar e comprar aquilo que nos favorece e hoje muitas lojas têm promovido dias com personal stylist o que nos ajuda bastante.

    • MCelia

      Oi , Sandra , é isso mesmo , temos que nos sentir bem ! E elegantes … bjs

  13. Jaqueline

    Adorei o texto com as dicas,podem me avisar sobre comentários seguintes por e-mail.
    Bjs

    • MCelia

      Oi , Jaqueline , se voce assinalou que gostaria de receber emails avisando novos posts , voce recebera , ta ? bjs e bem vinda !

  14. joselia

    adorei a materia, tudo q eu precisava m concientizar.

    • MCelia

      Oi,Joselia , que bom ! Bem vinda ao Viva 50 ! bjs .

  15. Uca

    Adorei essa boa conversa sobre minhas frustrações vou seguir a dica INDIVIDUALIDADE,beijões

    • Virginia

      Oi Uca, pode ter certeza que esse texto nasceu da minha experiência pessoal. Vamos em frente que a luta continua né? Grande abraço

  16. Beth

    Muito boas essas dicas!
    Obrigada por nos guiar nesse vasto universo feminino!

    • Virginia

      Obrigada a você Beth por participar do viva50, esperamos te encontrar sempre por aqui. Grande abraço!

  17. sandra valeria

    Gostei muito das dicas, pois estou nessa fase de estilo, e ainda não me encontrei.
    Mas com as dicas acho que vou me integrar mais.
    obrigada.

    • MCelia

      Oi , Sandra , que bom que gostou …é bem comum nessa fase nossa a gente ficar meio perdida …Bjs

  18. Luci Leandro

    Um vez por semana dou uma passadinha aqui ,pois sei que alguém vai estar através de uma matéria falando comigo.
    Fazendo-me sentir mais bonita, mas mulher…
    Beijos
    Luci

    • MCelia

      Oi ,Luci , que bom ler seu comentario ! Que bom que gostou , entre mais vezes ,se puder… bjs

  19. Beatriz P.R. Prado

    dicas de emagrecimento para diabeticos

    • MCelia

      Ola, Beatriz , vou pedir para a Dra Maria Candida fazer um post com dicas para diabeticos, ta? Bjs

  20. Regina Ribeiro

    Incrível o texto diz tudo que ando vivendo, apesar de magra, parecer bem com bem menos idade (é o que todos dizem) tenho dificuldade de comprar roupas e até acessórios, não me agrado com nada. Hoje descobri que preciso assumir meu novo estilo.

    • MCelia

      Oi , Regina, é isso mesmo , assuma seu estilo , voce com certeza estara acertando! Bjs

  21. maria rosilene

    perfeito,,esclarecedor!,,mistério solucionado! adorei! bjus

    • MCelia

      Oi , Maria Rosilene, que bom! Beijos!

  22. Carlota Pessôa

    Oi Virgínia, Acabo de descubrir sua página e adorei ! É sempre bom encotrar pessoas que compartilham do mesmo momento.

    • Virginia

      Que bom que você gostou o viva50 Carlota, seja muito bem vinda, espero te encontrar sempre por aqui. Bjs

  23. Eloir Arcangelo

    Artigos muito bons.

    • MCelia

      Bom ter você aqui com a gente, Eloir! Beijos

  24. Eliete Margarete Colato Tobias

    Obrigada, pelas dicas, conselhos e observações. Achei otimo.

    • MCelia

      Bom dia, Eliete! Que bom que voce gostou! Um beijo

  25. Aléxia Maia

    Vou fazer 50 em janeiro de 2017. Muita coisa mudou. Minha aparência, meus pensamentos, filosofia de vida, minha atitudes, minha razão de viver. A juventude e um sorvete ao sol. Minha menstruação foi embora ha um ano e meio. Minha fiel companheira mensal por 36 longos anos. Sinto falta, mas estou feliz por que a natureza cumpriu seu ciclo e fiz o melhor possível para respeita-la. Ela também me respeitou me dando 3 filhas lindas e saudáveis. Hoje mulheres. Quando minha amiga mensal foi embora, me despedi e agradeci por tudo. Estamos em Paz ! Uma nova jornada se iniciou ! Viva meus netos ! Viva meus 50 anos !

    • MCelia

      Viva, Alexia!!! Essa virada nos causa essas emoções misturadas que servem para nos fazer ver que a vida é boa demais e que só depende da gente tirar o melhor do que ela pode nos oferecer , e voce esta indo no caminho certo. Curta muito sua familia linda e felicidades nesta nova jornada! Bjs

    • Aléxia Maia

      Sim tudo muda ! hoje meus prazeres e amores são outros ! Minha felicidade e ver neto com Síndrome de Asperger, assistir Peppa pig, Backyardigans, Mickey Mouse entre outros personagens do universo infantil e velo sorrir e ser alegre. Virei fã da Peppa Pig. Passear, contar historias engraçadas, e muito mais ! Sim, entrei fundo no universo dele, na vida dele, sempre respeitando a natureza que o trouxe para mim – um presente muito especial, lindo e inteligente – para estar próxima e auxilia-lo a viver melhor. Somente agora com quase 50 anos, que entendo que o verdadeiro amor, não e carnal e sim espiritual, pois e eterno e imenso. Se não chegasse aos 50 anos com toda a experiencia e independência de vida, não poderia ajuda-lo a viver melhor. Mais uma vez a natureza foi minha amiga e fiel. Bjo a todas !

      • MCelia

        Que lindo depoimento,Alexia! Uma linda mensagem de amor e espiritualidade! Um grande beijo para você e um ótimo domingo!

  26. Denise

    Amei! É assim mesmo. Parabéns!

  27. Denise

    Desejo receber por email novas matérias. Vamos nos tornar as melhores amigas. Combinado?

    • MCelia

      Oi Denise, bem vinda ao Viva50!!! Ja somos melhores amigas! Muito bom ter você aqui com a gente! Um beijo grande.

  28. Aléxia Maia

    Agradeço pelo carinho …

  29. Regina Bonito Petry

    Olá

    Me sinto péssima aos 52 anos.
    Não gosto do que vejo no espelho. Das olheiras, da flacidez, do cansaço, dos calorões noturnos, das insônias.
    Dores de todos os lados, cabeça, joelhos, pernas.
    Então vamos lá, dizem, é assim mesmo, você está ficando “velha”.
    Mas não desanime, faça hirdroginástica, musculação, tome vitaminas, hormônios e saches para cartilagem.
    E faço, e faço e continuo me sentindo péssima.
    Me perdi, e não me acho mais.
    Estou ficando chata, amarga, azeda, não sou eu. Cadê eu?
    Será que o tempo levou, mas tão rápido assim?
    Iniciei o processo todo de vamos lá, afinal você já fez 50.
    Cortei o cabelo, estou assumindo os brancos, mas não me sinto melhor.
    Afinal, quem sou eu agora?

    • MCelia

      Bom dia, querida Regina, super normal você estar se sentindo assim, essa virada nos assusta mesmo…Mas você esta se cuidando de verdade? Fazendo reposição hormonal ( se puder) ? Tomando regularmente as vitaminas? Se alimentando legal? Pare um pouco e veja se esta mesmo fazendo tudo certinho… Se estiver mesmo, procure então ajuda psicológica, alguém para você conversar , ver o que esta “pegando”. Só não deixe de se cuidar, hoje temos tanta coisa para nos ajudar. Estamos aqui para te ajudar no que for possível, volte sempre , ta? Um beijo grande e se cuida!