Sobre o amor – por Clarice Lispector

19/04/20 | postado por: Virginia Pinheiro

 

Quando fazemos tudo para que nos amem e não conseguimos, resta-nos um último recurso: não fazer mais nada. Por isso, digo, quando não obtivermos o amor, o afeto ou a ternura que havíamos solicitado, melhor será desistirmos e procurar mais adiante os sentimentos que nos negaram. Não fazer esforços inúteis, pois o amor nasce, ou não, espontaneamente, mas nunca por força de imposição. Às vezes, é inútil esforçar-se demais, nada se consegue; outras vezes, nada damos e o amor se rende aos nossos pés. Os sentimentos são sempre uma surpresa. Nunca foram uma caridade mendigada, uma compaixão ou um favor concedido. Quase sempre amamos a quem nos ama mal, e desprezamos quem melhor nos quer. Assim, repito, quando tivermos feito tudo para conseguir um amor, e falhado, resta-nos um só caminho… o de mais nada fazer.

 

deixe um comentario no blog

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

9 Comentários:Sobre o amor – por Clarice Lispector
  1. Sonia Nordqvist

    Esses textos de domingo são muito bacanas. Esse achei genial. Como tudo que ela escreveu, faz pensar. Bjs

  2. Edineila

    Muito linda essa mensagem.

    • MCelia

      A Clarice Lispector nos emociona muito , né, Edineila? Bjs

  3. ALEX SANTOS BANDEIRA BARRA

    Por favor, de qual livro é esta Crônica?

    • MCelia

      Não sei te falar Alex, mas vou ver e te falo logo mais , ok ?

  4. Sandra Aranha

    Embora circule pela internet como sendo de Clarice Lispector, esse texto pertence ao livro “Faces da Poesia ” de Helenna Souza, de 2015. Pode ser lido no books.google.

    • MCelia

      Oi, Sandra , obrigada por nos alertar , vamos arrumar , beijos

  5. Marcus Deminco

    Cara Virginia. Como vai?

    Chamo-me Marcus Deminco – sou Psicólogo e Escritor. Autor de diversos livros traduzidos para vários países. atualmente, em virtude do centenário de nascimento da escritora Clarice Lispector, estou trabalhando na consecução da 2ª edição de uma obra biográfica da autora; “O Segredo de Clarice Lispector” – lançado a 1ª edição em 2008.
    Vi que você postou uma imagem da Clarice, e dessa maneira, me ajudaria IMENSAMENTE se você puder confirmar se essa imagem pode ser comercializada? Você sabe dizer se a imagem usada é de livre uso comercial ou possui restrições e/ou direitos privados de uso.

    Cordialmente agradecido
    Convicto de um breve retorno
    Marcus Deminco

    • MCelia

      Ola, Marcus , é a Maria celia , socia da Virginia, não sabemos confirmar se esta foto da Clarice pode ser comercializada , desculpe não te ajudar,
      Um abraço